terça-feira, 6 de julho de 2010

REPERTÓRIO CLÍNICO HOMEOPÁTICO - H





HALITOSE (MAU HÁLITO)

ARNICA 3 CH, 2 gotas de 3 em 3 horas; se não der resultado » MERCURIUS SOLUBILIS 6 CH, 2 gotas de 3 em 3 horas.

Odor pútrido –
AURUM METALLICUM, 30 CH, 2 gotas 2 vezes por dia.

Depois de comer –
Com cheiro azedo –
NUX VOMICA 3 CH, 3 gotas de 3 em 3 horas.

Com cheiro de cebola –
PETROLEUM 3 CH, 3 gotas 5 vezes por dia.

Estercoral –
QUERCUS 3 DH, 3 gotas 5 vezes.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Traumeel S – gotas
Arnica-Heel NP - gotas





HELICOBACTER PILORI

PROTOCOLO –
ARSENICUM ALBUM 3 CH, 5 gotas duas vezes por dia;
LYCOPODIUM 200 CH, 5 gotas duas vezes por dia.
Tratamento de cerca de um mês. Ao fim de 15 dias, pode ministrar-se o Arsenicum Album na 200 CH.
Na inexistência de melhoria:
NATRUM PHOSPHORICUM 30 CH, 5 gotas duas vezes por dia
Se não houver melhorias, pensar em IRIS e em HYDRASTIS.





HELMINTÍASE
Calendula, Calcarea carbonica, Cicuta, Cina, Silicea, Spigelia.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Tanacet-Heel - gotas





HEMATÊMESE
Arsenicum, Ipeca, Hamamelis, Phosphorus, Millefolium.





HEMATOMAS

PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Traumeel S – gotas
Cinnamomum-Homaccord N - gotas




HEMATÚRIA
Cantharis, Chimaphila, Coccus cacti, Hamamelis, Lachesis, Nitricum acidum, Secale, Teribintina, Thlaspi.





HEMIANOPSIA
Aurum, Gelsemium, Lithium carbonicum, Lycopodium.





HEMICRANIA
· ESQUERDA – Colocynthis, Lachesis, Mercurius, Naja, Nux vomica, Onosmodium, Rhododendron, Selenium, Sepia, Spigelia, Sulphur.
· DIREITA – Belladonna, Cactus, Calcarea carbonica, Carbo vegetabilis, Chelidonium, Ignatia, Iris, Kalmia, Lycopodium, Natrum muriaticum, Pulsatilla, Rhus toxicodendron, Sabadilla, Sanguinaria, Silicea.





HEMIOPIA

Não vê a metade direita dos objectos –
LITHIUM CARBONICUM 6 CH, 3 gotas de 3 a 5 vezes por dia.

Não vê a metade esquerda dos objectos –
LYCOPODIUM 6 CH, 3 gotas de 3 a 5 vezes por dia.

Não vê nenhuma metade dos objectos no sentido vertical –
MURIATICUM ACIDUM 6 CH, 3 gotas de 3 a 5 vezes por dia.

Não vê a metade superior dos objectos –
AURUM METALLICUM 6 CH, 3 gotas de 3 a 5 vezes por dia.





HEMIOPIA, VERTICAL
Titan.





HEMIPLEGIA
Causticum, Plumbum, Rhus toxicodendron.





HEMOFILIA
Ailanthus, Arsenicum, Crotalus, Hamamelis, Kreosotum, Lachesis, Millefolium, Phosphorus, Secale.





HEMOGLOBINÚRIA
Phosphorus, Picricum acidum.





HEMOPTISE
Aconitum, Arnica, Arsenicum, Belladonna, Bryonia, China, Ipeca, Phosphorus, Pulsatilla, Sulphur.

Ferrum phosphoricum na 3 DH.

QUE AGRAVA COM O MOVIMENTO –
ERIGERON 4 DH, 3 gotas de 3 a 5 vezes dia.





HEMORRAGIA
Aconitum, Arnica, Arsenicum, Belladonna, Bovista, Cactus, Calcarea carbonica, Cantharis, Carbo vegetabilis, China, Crocus, Crotalus, Elaps, Ferrum, Hamamelis, Hydrastis, Ipeca, Kreosotum, Lachesis, Ledum, Lycopodium, Mercurius, Millefolium, Nitricum acidum, Nux vomica, Phosphorus, Pulsatilla, Rhus toxicodendron, Sabina, Secale, Sepia, Sulphur, Sulphuricum acidum, Thaspi.

HAMAMELIS 4 DH, 3 gotas 4 a 5 vezes por dia, em hemorragias, principalmente oculares. Também em hemorragias venosas e de varizes.

ARNICA 4 DH, ou 5 CH, 3 gotas 4 a 5 vezes por dia.
ARNICA é um dos medicamentos consagrados em sede de hemorragias – ver tb. PHOSPHORUS.

CALENDULA 4 DH, 3 gotas de 3 a 5 vezes dia.


Na FRAQUEZA APÓS HEMORRAGIAS, o medicamento consagrado é CHINA. Ministrar em 4 DH, 3 gotas 4 a 5 vezes por dia.
Pensar também em –
FERRUM METALLICUM 4 DH, 3 gotas 3 vezes por dia.

GÁSTRICA –
GERANIUM 4 DH, 3 gotas de 3 a 5 vezes dia.

Por colite –
ASARUM EUROPAEUM 4 DH, 3 gotas 3 vezes por dia.

QUE AGRAVA COM O MOVIMENTO –
ERIGERON 4 DH, 3 gotas de 3 a 5 vezes dia.

GASTROINTESTINAL QUE AGRAVA COM O MOVIMENTO –
ERIGERON 4 DH, 3 gotas de 3 a 5 vezes dia.





HEMORRAGIA DE QUALQUER ÓRGÃO

Se acompanhada de náusea, sangue vermelho vivo, fluxo contínuo –
IPECA 1 CH, 3 gotas de 2 em 2 horas.





HEMORRAGIA, DIÁTESE

PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Cinnamomum-Homaccord – gotas
Phosphor-Homaccord - gotas





HEMORRAGIA MENSTRUAL

ALETRIS FARINOSA 4 DH, 3 gotas várias vezes ao dia.





HEMORRÓIDAS
Aesculus, Aloe, Anacardium, Antimonium crudum, Arsenicum, Capsicum, Graphites, Hamamelis, Hura, Kalium carbonicum***, Lycopodium, Magnesia muriatica, Nux vomica, Paeonia, Sabina, Sepia, Sulphur.

AESCULUS HIPPOCASTANUM 4 DH, 3 gotas 3 a 5 vezes por dia.

CARDUUS MARIANUS 30 DH, 3 gotas de 3 em 3 dias.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Paeonia-Heel – comprimidos
Podophyllum compositum – gotas
Hamamelis-Homaccord





HEMORRÓIDAS COM SANGRAMENTO

Hemorróidas com sangramento, intestino solto –
HAMAMELIS 3 CH, 3 gotas 5 a 6 vezes por dia.





HEMORRÓIDAS – COMPLEXO – TRATAMENTO HOMEOPÁTICO

COMPLEXO – (os medicamentos são preparados e ministrados no mesmo frasco)

AESCULUS 4 DH;
HAMAMELIS 4 DH;
NUX VOMICA 4 DH;
PAEONIA 4 DH;
RATANHIA 4 DH;
VERBASCUM 4 DH;
SULPHUR 4 DH.

3 gotas de 3 a 5 vezes por dia.





HEPATITE B/C
Bryonia, Lachesis, Mercurius, Natrum sulphuricum, Phosphorus.

PROTOCOLO –
CHELIDONIUM 6 DH, 5 gotas 3 vezes por dia;
THUYA 30 CH, 5 gotas duas vezes por dia.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Hepeel – comprimidos
Engystol – comprimidos
Chelidonium-Homaccord N - gotas





HÉRNIAS, DISTÚRBIOS FUNCIONAIS DAS
Nitricum acidum, Nux vomica.





HERPES
Berberis, Cantharis, Clematis erecta, Graphites, Hepar sulphur, Mercurius, Mezereum, Natrum carbonicum, Natrum muriaticum, Nitricum acidum, Rhus toxicodendron, Sepia.

CROTON TIGLIUM 4 DH, 3 gotas 3 vezes por dia.





HERPES CIRCINADO
Sepia, Tellur.





HERPES GENITAL
Caladium, Natrum muriaticum, Nitricum acidum.

PROTOCOLO –
HEPAR SULFUR 200 CH, 5 gotas duas vezes por dia;
ARSENICUM ALBUM 200 CH, 5 gotas duas vezes por dia.





HERPES LABIAL
Camphora, Capsicum, Dulcamara, Natrum muriaticum, Rhus toxicodendron.

PROTOCOLO –
HEPAR SULFUR 200 CH, 5 gotas duas vezes por dia;
ARSENICUM ALBUM 200 CH, 5 gotas duas vezes por dia.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Euphorbium compositum S – gotas
Engystol – comprimidos
Traumeel S – gotas
Mucosa compositum





HERPES PREPUCIAL
Hepar, Nitricum acidum.

MERCURIUS SOLUBILIS 6 CH, 3 gotas 4 a 5 vezes por dia.
Se não produzir efeitos relevantes –
SALSAPARRILHA 6 CH, 3 gotas 4 a 5 vezes por dia ou,
NITRICUM ACIDUM 12 CH, 2 gotas 3 a 4 vezes por dia.





HERPES ZOSTER
Arsenicum, Ranunculus, Rhus toxicodendron, Sulphur.

PROTOCOLO –
HYPERICUM 200 CH, 2 gotas a alternar com 2 gotas de
ANTIMONIUM CRUDUM 6 CH, de 3 em 3 horas – nos casos agudos.

CAUSTICUM 30 DH, 5 gotas de 3 em 3 dias.

MEZEREUM 4 DH, 3 gotas 3 vezes por dia.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Ranunculus-Homaccord – gotas
Mezereum-Homaccord – gotas





HIDROCEFALIA
Helleborus, Zincum.

LYCOPODIUM 30 CH, 5 gotas duas vezes por dia.

Lycopodium 30 CH – para diminuir os excessos de líquidos.





HIDROCELE
Graphites, Rhododendron, Silicea.

CLEMATIS 4 DH, 3 gotas 3 vezes por dia.





HIDROCELE ADQUIRIDA

Quando adquirida, segundo Clarke, ministrar os seguintes remédios, na ordem em que são mencionados, experimentando cada um durante algumas semanas, antes de passar ao seguinte – não olvidando a eventual necessidade de intervenção cirúrgica:

1 – BRYONIA 3 CH, de 4 em 4 horas;
2 – RHODODENDRON 3 CH, de 4 em 4 horas;
3 – PULSATILLA 3 CH, de 4 em 4 horas;
4 – SILICEA 6 CH, de 6 em 6 horas;
5 – AURUM METALLICUM 6 CH, de 4 em 4 horas;
6 – GRAPHITES 6 CH, de 4 em 4 horas.





HIDROCELE CONGÉNITA

BRYONIA 3 CH, 3 gotas 4 a 5 vezes por dia.





HIDROCELE POR PANCADA

ARNICA 12 CH, 2 gotas 3 vezes por dia.





HIDROFOBIA
Anagallis, Cantharis, Xanthium.





HIDRONEFROSE
Berberis, Formica, Kalium bichromicum, Solidago, Teribintina.





HIDROPISIA
Adonis, Apis, Arsenicum, Cahinca, Digitalis, Helleborus.





HIDROPISIA CARDÍACA
Adonis, Digitalis.





HIDROTÓRAX
Bryonia, Kalium carbonicum, Mercurius, Ranunculus.





HIPERCINÉTICO, SÍNDROMA

PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Valerianaheel – gotas » 10 gotas 3 ou mais vezes ao dia, em conformidade com as necessidades.
Hyosciamus
Rhus Tox S





HIPERCLORIDIA
Anacardium, Argentum nitricum, Atropina, Chininum arsenicosum, Iris.




HIPERCOLESTEROLEMIA

PROTOCOLO –
CHOLESTERINUM 30 CH, 5 gotas duas vezes por dia;
CHELIDONIUM 6 DH, 5 gotas duas vezes por dia.
O tratamento deve ser ministrado pelo menos durante três meses.





HIPEREMESE

PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Vomitusheel – gotas
Spascupreel – comprimidos
Anacardium-Homaccord – gotas





HIPERHIDROSE

PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Schweef-Heel – gotas
Berberis-Homaccord – gotas





HIPERHIDROSE PLANTAR

PROTOCOLO –

MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Psorinoheel N – gotas
Abropernol N – comprimidos
Berberis-Homaccord - gotas






HIPERSENSIBILIDADE

PSÍQUICA E FÍSICA –
IGNATIA 30 DH, 5 gotas de 3 em 3 dias.





HIPERTENSÃO ARTERIAL
Aurum, Baryta carbonica, Glonoinum, Lachesis, Nux vomica, Opium, Phosphorus, Plumbum, Sulphur, Veratrum viride.

LACHESIS 200 CH, 5 gotas uma vez por dia.

PROTOCOLO –
RHUS TOX 30 CH, 5 gotas duas vezes por dia;
ACONITUM 200 CH, 5 gotas duas vezes por dia.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Glonoin-Homaccord N – gotas
Melilotus-Homaccord N - gotas





HIPERTIROIDISMO

IODUM 200 CH, 5 gotas duas vezes por dia.
Se existirem palpitações – CRATAEGUS 4 DH, 5 gotas duas vezes por dia.

BADIAGA 4 DH, 3 gotas 3 vezes por dia.





HIPOCONDRIA

COFFEA CRUDA 4 DH, 3 gotas 3 vezes por dia.

NATRUM CARBONICUM 15 DH, 3 gotas por dia.

Por repressão do instinto sexual –
CONIUM MACULATUM 12 DH, 3 gotas por dia.





HIPÓFISE, INSUFICIÊNCIA

PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Galium-Heel N – gotas
Graphites-Homaccord – gotas
Hormeel S - gotas





HIPOTENSÃO
Adrenalinum, Crataegus, Natrum muriaticum, Pulsatilla, Sulphur iodatum, Tuberculinum.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Aurumheel N - gotas





HIPOTIROIDISMO

PROTOCOLO –
BROMIUM 6 CH, 5 gotas duas vezes por dia;
LYCOPODIUM 200 CH, 5 gotas duas vezes por dia.
O tratamento deve ser ministrado durante cerca de um ano.

Se houver aumento de peso – CALCAREA CARBONICA 200 CH, 5 gotas duas vezes por semana.


HIPOTIROIDISMO LATENTE
PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Strumeel forte N – gotas
Graphites-Homaccord – gotas
Thyreoidea compositum





HIPOTIROIDISMO (com atraso)

AETHUSA CYNAPIUM 200 CH, 5 gotas duas vezes por semana.





HIPOTIROIDISMO EM CRIANÇAS PREMATURAS E COM SÍNDROMA DE DOWN

PROTOCOLO –
BROMIUM 6 CH, 2 gotas duas vezes por dia;
CALCAREA PHOSPHORICA 3 DH, 2 gotas duas vezes por dia.





HISTERIA
Asa foetida, Ignatia, Moschus, Nux moschata, Platina, Sumbucus, Tarentula hispanica, Theridion.

IGNATIA 30 DH, 5 gotas de 3 em 3 dias.

ASA FOETIDA 15 DH, 3 gotas por dia.

NATRUM CARBONICUM 15 DH, 3 gotas por dia.


Por repressão do instinto sexual –
CONIUM MACULATUM 12 DH, 3 gotas por dia.





HISTERIA, PAROXISMO

MOSCHUS 3 CH, 3 gotas de 15 em 15 minutos.




HODGKIN, DOENÇA DE
Arsenicum iodatum, Iodum, Phosphorus.




JOSÉ MARIA ALVES
http://www.homeoesp.org
http://www.josemariaalves.blogspot.com


7 comentários:

  1. Qual o medicamento indicado para hérnia de disco estrusada, na L5 e na cervical...grtat

    ResponderEliminar
  2. Olá!
    Tomei medicamento para hipotireoidismo por 10 anos até que descobri a homeopatia na qual fiz tratamento por 1 ano, e fiquei outros 5 anos sem remédio algum. Porem, tive alguns problemas financeiros e a glândula voltou a desregular, acredito que por fator emocional. Não tenho como voltar naquele médico, ou outro homeopata, pelo valor da consulta e não tenho convenio médico. Poderia me orientar um tratamento, estou preocupada pois somado ao fator menopausa, estou 14 kg acima do peso. Obrigado!

    ResponderEliminar
  3. Boa tarde Amiga

    Pelos motivos que constam do primeiro artigo do nosso blogue »
    http://www.autoisopatiaenergetica.blogspot.pt/

    sugerimos que faça o tratamento pela AUTO-ISOPATIA ENERGÉTICA.

    Não deixe no entanto de seguir escrupulosamente as indicações do seu médico assistente.

    Nesse blogue irá encontrar um procedimento expedito para que possa promover a sua AUTOCURA.

    E estou certo de que a irá atingir.

    Um abraço e as melhoras.

    ResponderEliminar
  4. Meu pai descobriu que tem pressão alta 18/9 numa consulta ao dentista. Este se recusou a tratar o canal enquanto a pressao estivesse tão alta. Fomos a uma nefrologista que confirmou por exames uma disfunção num dos rins, perda de proteina causando anemia e prescreveu medição contra a pressão. Ele tomou, não se sentiu bem. Fez exame de urina de 12 horas e constataram a perda continua da proteina. Outro remédio para pressão, mais forte. De jeito nenhum essa pressão caiu. Comecei a procurar a respeito da pressão e encontrei um assunto controverso em relação à medida da pressão. Pelo jeito a pressão onde está não é estranha para meu pai que tem 82 anos. Eu prefiro deixar a pressão como está e tentar ajudar os rins e a anemia. Ele parou de usar o medicamento e se sente muito melhor, a médica disse que o dentista poderia seguir com o tratamento do canal, embora a pressão não tenha baixado nadica. Acho que tem algo errado, já que antigamente a pressão era tomada somando-se a idade do paciente a 100 sobre 90, ou seja no caso do meu pai 182/90, perfeito... Que negócio é esse de terem mudado a forma de medir a pressão só para vender antihipertensivos? Ouvi falar de rauwolfia como alternativa para manter a pressão, conhece? e que protocolo posso usar de homeopatia para suporte dos rins?

    ResponderEliminar
  5. Boa tarde Amiga

    Para a hipertensão sugiro que faça:

    PROTOCOLO –
    RHUS TOX 30 CH, 5 gotas duas vezes por dia;
    ACONITUM 200 CH, 5 gotas duas vezes por dia.

    Vai espaçando as doses em função das melhorias - gestão medicamentosa.

    O problema está confinado aos rins ou tem também ligação com a bexiga (ainda que em disfunção ligeira)?

    Um abraço e as melhoras.

    ResponderEliminar
  6. Olá Dr. José. Gostaria de saber se pode me ajudar.
    Tinha hiperidrose nas axilas e crânio facil. Fiz a cirurgia no começo de 2011 e desde então, a hiperidrose compensatória tem acabado com a minha vida.
    Já tentei de tudo, todos os tópicos possíveis, alopatia, até mesmo alguns homeopáticos. Li alguns dos seus homeopáticos, mas existe algum específico? E se sim, como consigo? Pois noto que pouquíssimos deles estão a venda no Brasil.
    Obrigada desde já.

    ResponderEliminar
  7. Boa noite Amiga

    Pelos motivos que constam do primeiro artigo do nosso blogue »
    http://www.autoisopatiaenergetica.blogspot.pt/

    sugerimos que faça o tratamento pela AUTO-ISOPATIA ENERGÉTICA.

    Não deixe no entanto de seguir escrupulosamente as indicações do seu médico assistente e nada obsta a que faça simultaneamente homeopatia (se assim o entender) em conformidade com os nossos protocolos de tratamento e outros que lhe sejam sugeridos por terapeutas credenciados e que possam fazer o acompanhamento da patologia em observação directa.

    Nesse blogue irá encontrar um procedimento expedito e “bastante” para que possa promover a sua AUTOCURA.

    Estou certo de que progressivamente irá “caminhando” na direcção da Cura. Persistência, paciência, empenhamento e esperança (ou fé) serão as suas mais valiosas “armas”, coadjuvantes do tratamento que lhe sugiro.

    Um abraço e as melhoras.

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.